terça-feira, 27 de janeiro de 2009

PE2009: Público - Santa larga na frente!

Na disputa particular sobre quem vai levar mais público aos estádios do Pernambucano em 2009, o Santa Cruz está dando uma verdadeira lavada em seus tradicionais concorrentes, Sport e Náutico. Em 2 partidas realizadas no "novo" Arruda, o Mais Querido contou com a presença de 55.079 espectadores, um pouco menos que a soma dos 3 jogos do Leão na Ilha. O Náutico totalizou, também em 3 jogos, 38.634 presentes, o que equivale a 70,14% da presença da Torcida Coral, com 1 jogo a menos. A média do Santa Cruz até o momento é de impressionantes 27.540 espectadores por jogo, contra 19.105 do Sport e 12.878 do Náutico. Rubro-negros e Alvirrubros juntos ultrapassam a massa Tricolor em apenas 16,13%. Não por acaso, o clube presidido por FBC apresenta os 2 maiores públicos na competição, decorridos 30 jogos. Diante do Central tivemos 30.086 presentes, enquanto 24.993 compareceram ao jogo contra o Ypiranga. DIFERENÇA NO PÚBLICO PAGANTE Desmembrando o público total, percebe-se que a grande diferença em favor do Santa Cruz se dá de fato no público que compra ingresso na bilheteria para apoiar o time. A média da torcida Coral é de 13.059, com preço médio de R$ 12,73. O Sport tem média de 6.257 pagantes (R$ 11,26) e o Náutico apresenta apenas 1.273 (R$ 16,69). Os números do Timbu são superados inclusive por Central (1.814), Porto (1.975), Sete de Setembro (1.737) e Ypiranga (1.418), clubes que tem uma cota do TCN bem menor que os alvirrubros. INTERIOR Além da excelente média de público do Central, o destaque é outro time caruaruense, o Porto. O Tricolor do Agreste é o 5º lugar no ranking. Outros 3 times ultrapassam a casa dos 5.000 presentes por jogo: Sete de Setembro, Ypiranga e Salgueiro. Confiram os números: RANKING - MÉDIA DE PÚBLICO 27.540 - Santa Cruz (1º) 19.105 - Sport (2º) 12.878 - Náutico (3º) 7.237 - Central (4º) 6.094 - Porto (5º) 5.811 - Sete de Setembro (6º) 5.145 - Ypiranga (7º) 5.092 - Salgueiro (8º) 4.323 - Acadêmica Vitória (9º) 4.188 - Serrano (10º) 3.930 - Cabense (11º) 1.001 - Petrolina (12º) Vale ressaltar que a torcida rubro-negra aos poucos vai acordando e vibrando com o time. Prova disso é que, a cada jogo, aumenta o público presente na Ilha do Retiro. Durante a semana, diante do Sete de Setembro, nada menos que 21.560 torcedores compareceram, surpreendendo expectativas do próprio clube. RANKING - 10 MAIORES PÚBLICOS 30.086 - Santa Cruz x Central 24.993 - Santa Cruz x Ypiranga 21.560 - Sport x Sete de Setembro 19.257 - Sport x Serrano 16.499 - Sport x Acadêmica Vitória 13.995 - Náutico x Cabense 13.501 - Náutico x Central 11.138 - Náutico x Salgueiro 8.188 - Porto x Sport 7.531 - Sete de Setembro x Santa Cruz TODOS COM A NOTA Grande parte do sucesso de público do estadual também é motivado pela parceria do Governo do Estado com a FPF e clubes, através do Todos com a Nota. Em 30 jogos, 174.961 bilhetes foram trocados pela campanha, representando 68,27% do público total da competição. Até o momento, a receita gerada com o TCN foi de R$ 764.612,80 que equivale a 46,48% de toda arrecadação direta dos jogos do estadual. Algumas equipes tem praticamente a totalidade de suas receitas geradas através do TCN, como Cabense (98,96%), Serrano (95,29%) e Petrolina (93,12%). Longe de casa, a "Fera Sertaneja" (Petrolina) conseguiu arrecadar nas bilheterias do Cornélio de Barros (onde está mandando seus jogos) apenas R$ 660,00. NÚMEROS GERAIS DA COMPETIÇÃO (5ª RODADA) 265.283 Público presente acumulado em 30 jogos 174.691 Público Todos com a Nota 69.014 Público pagante 12.308 Público com gratuidade (autoridades, idosos, etc) 8.543 Média de público total da competição 2.300 Média de público pagante R$ 1.645.144,80 Receita total da competição - 30 jogos R$ 880.532,00 Receita de Bilheteria R$ 764.612,80 Receita TCN

2 comentários:

DIEGO disse...

Gostaria de saber qual a média de público do PE09, com e sem o Todos com a nota.

Tenho quase certeza que é superior a isso:

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/Campeonato_Gaucho/0,,MUL974538-9836,00.html

Anônimo disse...

não tem dúvida, a maior do estado é a do SANTA CRUZ, ESSE PESSOAL DO IBOPE SÓ FAZ PESQUISA COM AS MESMA PESSOAS EU QUERIA VER SE ELES SUBIRÍAM MORRO, FAVELA E REDUTOS MAIS POBRES, SEM FALAR NO INTERIOR ONDE A ONDA TRICOLOR É BEM MAIOR EM TERMOS DE PORCENTAGEM.