terça-feira, 18 de maio de 2010

SB-2010: Público na competição é decepcionante

O Campeonato Brasileiro da Série B ainda não empolgou o torcedor em sua edição de 2010, pelo menos isso é o que aponta as duas primeiras rodadas da competição, em que não tivemos mais do que 60.000 espectadores nas 19 partidas com público divulgado (ainda não foi disponibilizado o borderô de Figueirense x Portuguesa, 2ª rodada). Na primeira rodada, apenas 3.334 torcedores por partida e na rodada seguinte, a média caiu para 2.650. Um verdadeiro fiasco, digno de público presente em competições estaduais de menor interesse. A falta de interesse do público pode ser vinculada diretamente a ausência de integrantes do G-12 (Atlético-MG, Botafogo-RJ, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Grêmio, Internacional-RS, Palmeiras, Santos, São Paulo e Vasco), que habitualmente vem presenteando a competição com um ou mais representantes nos últimos anos (exceto 2004 e 2007). Nas duas primeiras rodadas da atual edição, a média de público é 3.010. Bem abaixo dos 6.291 de 2008 e 6.621 em 2009. A promoção do Ceará, participante que mais disputou a Série B na história da competição, bem como o rebaixamento do Fortaleza e ABC contribuiram ainda mais para que os números iniciais da Segundona fossem bem acanhados em 2010. Nenhum público superou a marca de 10.000 torcedores presentes e apenas Náutico e Sport conseguiram levar mais de 8.000 espectadores a campo, mesmo assim, com o incentivo do Governo do Estado, que financia boa parte dos ingressos. Em 5 dos 19 jogos, o público não ultrapassou a marca de 1.000 e no duelo entre Duque de Caxias e Náutico, o público não pagante superou o pagante em quase 3 vezes(150x54). A Portuguesa, apontada pelo "DataFolha" como uma das 20 maiores torcidas do Brasil, superando inclusive times tradicionais como Santa Cruz, Ceará, Coritiba e Náutico, ainda não fez juz ao levantamento realizado pelo instituto. O preço dos ingressos pode ser o motivo da ausência da massa lusitana. Na partida entre Portuguesa x Vila Nova, os 1.173 presentes tiveram que desembolsar em média R$ 21,67, o maior valor de ticket médio até o momento. Já em Taguatinga, para assistir Brasiliense x Sport, 4.723 espectadores precisaram pagar não mais do que R$ 3,45 (média), com alguns ingressos vendidos a R$ 1,00. Nos Aflitos, onde foi registrado o maior público da competição até o momento, 8.517, o bilhete saiu em média por 8,92 - considerando que o Governo do Estado para R$ 7,00 ao clube na campanha do "Todos com a Nota". Na Ilha do Retiro, segundo maior público, 8.307, o ticket foi de R$ 8,15. A primeira rodada gerou uma renda de R$ 419.136,00 com ticket médio de R$ 12,57. Os torcedores pagaram menos na rodada seguinte, desembolsando R$ 10,85 o que acarretou uma renda de R$ 258.825,00 em 9 jogos. Os Nordestinos podem ser apontados como responsáveis por um resultado até melhor, uma vez que apresentam os 4 melhores públicos da competição, incluindo além de Náutico e Sport o tradicional Bahia e o ascendente ASA. Confiram os maiores públicos da competição até o momento: 8.517, Náutico x Coritiba 8.307, Sport x Guaratinguetá 6.330, Bahia x América-RN 5.655, ASA x Ponte Preta 4.723, Brasiliense x Sport 4.134, Ponte Preta x Paraná 3.930, América-RN x São Caetano 2.686, Paraná x Ipatinga 2.637, Vila Nova x Icasa 2.522, Coritiba x América-MG

6 comentários:

Rone disse...

Para se ter público grande, tem que ter uma torcida APAIXONADA, isso só com a torcida do Santa Cruz.

Ronaldo S Silva

antonio disse...

enquanto o futebol brasileiro for comandado pela rede globo/clube dos treze, a tendencia é o enfraquecimento dos clubes do norte/nordeste. para a globo não importa renda, e sim, a compra dos pacotes da tv por assinatura.
clovis antonio - olinda-pe

Anônimo disse...

Não Foi a ausencia de times como Palmeras, Fluminese, corinthians entre outros, mas sim, a ausencia de um time de Torcida como o do Santa Cruz, que mesmo estando onde esta os apaixonados Tocedores, sempre estão ao seu lado, levando 25 000 a 30 000 Torcedores por jogo.
Parabens Torcida Tricolor

Emerson Fragoso

Valter Ananias disse...

(A Portuguesa, apontada pelo "DataFolha" como uma das 20 maiores torcidas do Brasil, superando inclusive times tradicionais como Santa Cruz, Ceará, Coritiba e Náutico).
QUE PESQUISA MAIS RIDÍCULA E SEM FUNDAMENTO.

AONDE QUE A PORTUGUESA TEM TORCIDA? NEM LÁ DENTRO DO CANINDÉ ELA NÃO TEM TORCIDA. QUE PESQUISA RIDÍCULA É ESSA RAPAZ.
PARA COM ISSO.
SE BRINCAR O CENTRAL TEM MAIS TORCIDA QUE A PORTUGUESA.
SAUDASANTA!

Anônimo disse...

se o santa um dia voltar a disputar um "CAMPEONATO" brasileiro
vcs falam conosco (y)

CNC vamo que vamo !

Anônimo disse...

Somente o Santa Cruz para colocar seus 35.000 / 40.000 fiéis torcedores no Estádio do Arruda, independentemente da série do Campeonato Brasileiro. Se cairmos para a série Z, ainda assim compareceremos.
Fiel Corintiana é mito. Fiel de verdade é a massa tricolor.
Saudações.