quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Série A_2009: A reta final do fundo do poço!

Restando apenas 2 rodadas para o final da competição, o melhor Campeonato Brasileiro da era dos pontos corridos apresenta diversas expectativas tanto na parte de cima, quanto na parte de baixo da tabela. Enquanto a briga está acirrada na ponta, o desespero para evitar a queda chama a atenção e apenas o Sport aparece como coadjuvante neste cenário, já tendo sido rebaixado precocemente. Náutico e Santo André agarram-se nas últimas esperanças matemáticas e no confronto direto reservado na próxima rodada com mando de campo para a equipe do ABC, um dos dois já poderá lamentar o retorno à Série B para a temporada 2010. Existe um grande risco de ao final do confronto, ambos terminarem "abraçados" carimbando simultaneamente o rebaixamento, a depender de outros resultados. O empate certamente decreta a degola. Do ponto de vista do Náutico, a equipe alvirrubra, mirando suas chances comparadas com Fluminense e Botafogo, adversários que levariam desvantagem em relação ao Timbu em critérios de desempate, as chances matemáticas não são animadoras, porém longe de impossíveis. São 4 chances em 729 (isso mesmo!!!), o que representa 0,549% de possibilidade matemática (sem ponderação de favoritismo) para os alvirrubros pernambucanos. Na prática, resta ao Náutico vencer seus dois jogos e torcer por duas derrotas do Botafogo. Isso acontecendo (1 chance em 81 combinações possíveis), teríamos 4 combinações do Fluminense que interessariam ao Timbu: - Duas derrotas do Fluminense; - Um empate no primeiro jogo, derrota no segundo; - Uma derrota no primeiro jogo, empate no segundo; - Dois empates. Impossível? Longe disso. O colunista do Blog do Timba, Claydson Saboia (leia matéria) acredita nas chances do Náutico e também faz as contas para que o time dos Aflitos obtenha êxito. Para os torcedores e até mesmo o elenco alvirrubro, nada de jogar a toalha antes do tempo. Afinal, o Náutico já provou que anda em parceria com o improvável e tanto nas boas lembranças quanto nos momentos desagradáveis, o clube está marcado de exmplos com essa marca. A vantagem é que qualquer fracasso que possa ocorrer já é esperado e dessa vez o inusitado joga a favor do time. Será?

Um comentário: